EN

EN

Cultura organizacional e Home Office

Jan 20, 2022

Jan 20, 2022

Cultura organizacional e Home Office

O que é cultura organizacional? Aprenda a implementar uma cultura organizacional eficiente através do modelo home office para sua empresa.

O que é cultura organizacional? Aprenda a implementar uma cultura organizacional eficiente através do modelo home office para sua empresa.

A cultura organizacional já funcionava antes para obter resultados positivos dos negócios em tempos de operação normal nas empresas, mas agora, com o aumento do trabalho remoto, a importância dela é redobrada. Quando bem definidos e compartilhados, os princípios e valores dentro de uma instituição são capazes de alinhar todos os funcionários e colaboradores em busca de uma organização mais eficaz. Uma cultura organizacional forte acontece quando os colaboradores trabalham naturalmente, sem que tenham de receber ordens sobre como desempenhar suas funções. Em uma realidade de pandemia, acompanhada de um período de crise, ter os valores alinhados auxilia em uma tomada de decisão muito mais ágil e fácil. Essa rapidez é importante porque é preciso se reinventar. Ao longo da matéria, você verá o que é cultura organizacional de uma empresa, a importância da cultura organizacional no modelo home office e algumas dicas para melhorá-la remotamente.

O que é cultura organizacional?

A cultura organizacional de uma empresa pode ser chamada também de cultura empresarial e corporativa. Ela, basicamente, é o conceito que irá definir a forma que uma empresa irá levar e conduzir seus negócios - além do tratamento ao cliente e demais parceiros. Assim, existem quatro tipos de cultura organizacional: a cultura de poder, cultura de tarefas, cultura de pessoas e cultura de papéis. Dentro desse processo, são envolvidos alguns reflexos de uma cultura, como práticas, comportamentos e políticas. Até algumas normas simples do dia a dia podem se tornar as práticas que moldam o ser de uma instituição empresarial. Portanto, é um grande desafio colocar esse princípio em prática. Os valores e comportamentos são previstos em forma de planos para uma cultura organizacional, mas nem em todos os casos eles são incorporados a uma rotina.

Por que a cultura organizacional é importante no home office?

Principalmente em momentos de crise como este, todos os colaboradores e gestores de uma organização, ainda que remotamente, precisam manter a cultura organizacional firme. Tudo se torna mais fácil ao compreender que é possível mantê-la viva apenas com pequenas ações adicionadas em uma rotina de trabalho. Em todas as situações, desde interações online com os colaboradores do time às formas de reconhecimento pela empresa e até mesmo com as reuniões constantes, vale ressaltar algum valor da cultura para que ele se mantenha vivo e firme. Quando uma cultura organizacional é bem aplicada as ações de uma rotina fluem pelos valores no modo automático e inconscientemente. Em situações de crise, a cultura precisa se reerguer dentre esses processos de mudanças constantes e possíveis demissões. Quando o processo de organização consegue alinhar as novas mudanças e medidas aos princípios e valores da empresa, possivelmente a cultura estará ainda mais fortalecida.

4 dicas para melhorar a cultura organizacional no home office

É de extrema importância que as empresas encontrem novas formas de interação online para poderem transmitir a sua cultura. Pensando nisso, separamos as principais dicas para que você possa adotar a cultura organizacional na sua equipe ou instituição através do trabalho remoto ou home office.

1. Momentos de convívio virtuais

Os intervalos entre 10 e 15 minutos, a fim de incentivar conversas paralelas entre os colaboradores, vêm sendo uma prática muito adotada pelas empresas. Dessa forma, as equipes podem se conhecer melhor e fugir um pouco da sua rotina de assuntos de trabalho. A interação com os colegas no trabalho remoto é muito importante para simular o mundo real.

2. Videochamadas mais descontraídas

Quando possível, ao realizar uma videoconferência, proporcionar um ar menos sério a essas frequentes reuniões traz relatos em tom mais leve sobre a resolução de conflitos de possíveis assuntos abordados.A troca de experiência ajuda os funcionários a compreenderem como a empresa costuma lidar em certas situações. Lembrando que, em um ambiente de trabalho presencial, é comum que as equipes relatem, nos respectivos horários de intervalo, acordos com clientes e colegas.

3. Buscar centralizar as informações

Uma das dificuldades mais enfrentadas pelo modelo de trabalho home office é a comunicação e a colaboração. A partir disso, torna-se essencial o uso de aplicativos e plataformas de contato, como, por exemplo, o Slack, e a centralização da comunicação, onde os funcionários encontram informações a fim de executar suas tarefas. 

4. Adotar uma comunicação interna eficiente

Uma cultura organizacional só se torna onipresente ao executar tarefas em que os colaboradores e funcionários transmitem valores e práticas de uma empresa. É por isso que, quando investimos em outras formas de preservar essas informações, os caminhos se tornam mais fáceis para aqueles que ingressam na empresa conhecerem melhor os direcionamentos da instituição. No trabalho remoto, é necessário que o time estabeleça uma comunicação eficiente, pois, ao contrário do mundo real, não é possível recorrermos até as mesas dos colegas para explicar decisões e tirar as respectivas dúvidas. As referências salvas facilitam o entendimento do que a empresa espera dos serviços a serem executados.